segunda-feira, 13 de outubro de 2014

10 livros de cerveja que você não pode deixar de ler


Quem gosta de cerveja gosta pra valer. Aí não basta degustar, é preciso conhecer o que está no copo e além dele. Nessa deliciosa missão, os livros que falam do assunto são ótimos materiais de apoio. Abaixo, segue uma lista com 10 livros de cerveja indispensáveis em português:

Larrousse da Cerveja

Ideal para iniciantes, o livro é uma base de conhecimento vasta e didática sobre a tão querida cerveja. De autoria de Ronaldo Morado, fala sobre a história, processo de produção, estilos, e as culturas de países tradicionalmente cervejeiros.

O Atlas Mundial da Cerveja

Um dos livros mais recentes, o Atlas traz informações detalhadas sobre a bebida, passando pela sua história, seus processos de fabricação, tendências e análise de mais de 500 cervejas de mais de 30 países. Incluindo do Brasil.

A Mesa do Mestre Cervejeiro

Do famoso mestre cervejeiro Garrett Oliver, da Brooklyn, de Nova York, é a bíblia da harmonização de cervejas. E Garrett é considerado o Papa. Ele mostra o quão versátil pode ser a bebida na combinação com alimentos em uma leitura divertida e graciosa.

O Livro da Cerveja

O Livro da Cerveja é um dos vários guias da bebida pelo mundo. Muitos são os autores que se dedicam a arte de caçar e catalogar cervejas. Tim Hampson, presidente da Associação Britânica de Escritores de Cerveja (British Guild of Beer Writers), é um deles. O livro apresenta mais de 800 cervejarias com mapas, fotos, sugestões de roteiros e glossário. São 352 páginas de delícias.

Guia Ilustrado Zahar de Cerveja

Michael Jackson é um dos maiores nomes da cerveja no mundo. Não à toa é chamado de Beer Hunter. Nesse guia é possível ter um pouco dessa fonte de conhecimento pertinho, com várias cervejas do mundo e uma breve introdução, com os aspectos básicos da bebida, como história e estilos.

1001 cervejas para beber antes de morrer

Da série “1001”, é um dos guias mais recentes de cerveja, e traz a descrição detalhadas de cervejas que você não pode deixar de beber. Se fosse menor, recomendaríamos que você levasse no bolso por aí. Vale a leitura.

Brasil Beer

Brasil Beer vasculha o país de Norte a Sul e cria um guia com mais de 450 cervejas tupiniquis, além de mais de 120 locais em que se pode beber o precioso líquido. Os autores, Henrique Oliveira e Helcio Drumond, mapearam e catalogaram muitas das cervejarias, microcervejarias e associações de cervejeiros artesanais que atualmente existem no Brasil para compor a obra.

Cervejas, Brejas e Birras

“Um guia para desmistificar a bebida mais popular do mundo”. É assim o livro Cervejas, Brejas e Birras, de Maurício Beltramelli, criador e editor do site Brejas e do bar homônimo em Campinas, no interior de São Paulo. O livro visa ajudar tanto iniciados como leigos nesse universo, derrubando mitos e contando, de forma didática e divertida, os meandres da bebida.

O Catecismo da Cerveja

Um dos mais antigos livros em português sobre cervejas, o catecismo ensina de maneira clara e fácil e divertida os principais conceitos referentes à bebida, tirando as dúvidas mais comuns. É escrito pelo jornalista austríaco Conrad Seidl, considerado um dos Papas modernos da bebida.

Cerveja e filosofia

Nem só de guias e ensinamentos vive a bibliografia cervejística. Cerveja e Filosofia não trata de história ou estilos, mas reúne artigos de diversos especialistas – entre filósofos mesmo e bebedores profissionais -, que analisam a importância dessa bebida na sociedade e porque a cerveja é considerada essa bebida democrática e socializadora que todos conhecemos. Quem disse que filosofia só combina com vinhos?

Fonte e imagem: Clubeer

0 comentários:

Postar um comentário