sexta-feira, 6 de março de 2015

Holzweg definirá novo estilo de cerveja por meio de degustação com o público



Com a oferta de cervejas tipo alemã já consolidada, a cervejaria Holzweg ampliará em breve sua carteira de produção própria da bebida. Além das cervejas estilo Pilsen, Weizen e Munich (além do queridinho chope de vinho), a produção localizada em Lontras propõe a inclusão de cervejas belgas e inglesas no cardápio. Para definir o novo estilo, a Holzweg irá promover a degustação das bebidas, na quarta (11) e quinta-feira (12). Na ocasião, serão servidos dois estilos da fórmula belga (Blond Ale e Saison) e uma da inglesa (ESB), em taças de 130 ml. A degustação será das 20h30 às 22h e é gratuita. Confira abaixo o descritivo das bebidas!

De acordo com a sócia-fundadora da cervejaria, Eliete Krzyzanowski, nos dias de degustação, o público recebrá um questionário, onde poderá indicar o estilo preferido. “Caso a gente não obtenha um número significativo de aprovação, faremos uma nova degustação com outros estilos, como a Bock, Pale Ale e Ipa”, explica.

Lembrete: no mês de março a Holzweg está realizando a promoção Turnê de Sabores, com pratos a preços muito especiais nas quartas e quintas-feiras. Aproveite para saborear uma delícia da nossa cozinha, enquanto avalia nossa cerveja! Faça sua reserva pelos telefones 947) 8819- 8817 e (47) 8817-9462.

A escola belga

“O paraíso das cervejas”. É assim que muitos especialistas costumam chamar a Bélgica, por concentrar mais de mil rótulos diferentes em uma área menor do que a do estado do Ceará. A escola belga de cerveja pode ser considerada bastante inventiva e até lúdica, pois os ingredientes são os mais diversos, os rótulos são divertidos e o teor alcoólico costuma ser mais alto.

As cervejas belgas são marcadas pelo uso de especiarias e frutas, como semente de coentro, cardamomo e cascas de laranja. No aroma e sabor, a presença do frutado e do malte sobressaem ao lúpulo, de modo que o amargor fica em segundo plano. A escola engloba as cervejas Trapistas (feitas por monges) e de Abadia, que normalmente têm mais de mil anos de tradição.

A escola inglesa

As cervejas inglesas são caracterizadas pela alta fermentação e sabores complexos, um estilo muito particular. São mais escuras e encorpadas, devido à fermentação em temperaturas altas. Os estilos mais conhecidos são a Bitter, ou English Pale Ale, a Brown Ale e a Porter.

Confira as cervejas que serão oferecidas na degustação:

CERVEJA ESTILO ESB

O termo ESB significa English Special Bitter e categoriza as cervejas inglesas mais fortes. Na produção são utilizados lúpulos e maltes ingleses. Tem aroma moderado de lúpulo e aroma de médio a alto de malte, com notas de caramelo e algumas notas frutadas. A coloração vai do dourado ao cobre profundo, límpida e brilhante, colarinho branco.

Sabor: amargor entre médio e alto, mas o malte dá o suporte ao amargor. Apresenta notas de caramelo forte, sabor do lúpulo moderado e pode ter também notas de nozes e biscoitos.

Teor alcoólico médio: 5,8%
Harmoniza bem com aves e carnes assadas.

CERVEJA BLOND ALE

Cerveja de estilo Belga, de alta fermentação, levemente adocicada e suave ao paladar. Bebida dourada, límpida, com espuma cremosa e persistente. Possui aroma de malte, condimentada, com notas bem cítricas e pouca presença de lúpulos. Aceitam diversos ingredientes, como casca de laranja, semente de coentro, noz moscada e pimenta branca.

Teor alcoólico médio: 7%.
Harmonizam muito bem com aves, queijos e até mesmo com pratos doces, como o petit gateau e bolo de chocolate.

CERVEJA SAISON

O estilo surge na Bélgica e leva esse nome pois era feita para ser consumida durante o verão, justamente por suas características que remetem ao frescor. Estas cervejas eram produzidas no final do inverno e estocadas em celeiros para serem consumidas nas épocas quentes.

Possui coloração amarelo palha, com ótima formação e duração de espuma. É uma cerveja turva, pois possui todos os ingredientes e aromas provenientes da fermentação, exibindo notas frutadas de pêssego e abacaxi, somadas às de cravo e cítrico.

Teor alcoólico médio: 5,8%.
Harmoniza com aves, peixes e frutos do mar.

0 comentários:

Postar um comentário